Anuncie no TUDO À MÃO. Ligue: (15) 3224 4123ASSINE O DIÁRIO. LIGUE: (15) 3224 4123
 
 
 
Ultima Edição:
30/7/2014
Outras Edições
 
publicado em: 10/01/2014 às 20h21:
Prefeitura promete mais 1.077 vagas em creches
A convocação dos classificados por meio do Cadastro Único deverá ocorrer nos próximos dias
 
Texto:
 
 

As vagas são resultado da inauguração de nove Centros de Educação Infantil (CEIs), em dezembro (Foto: Arquivo/Secom)
 
 
A Secretaria da Educação da Prefeitura vai chamar mais 1.077 crianças inscritas e classificadas no Cadastro Municipal Unificado, o Cadastro Único, para ocuparem novas vagas abertas na rede de creches municipais, resultado da inauguração de nove Centros de Educação Infantil (CEIs) ocorrida no mês de dezembro. A informação da abertura dessas vagas é do próprio foi titular da Pasta, professor José Simões de Almeida Júnior, esclarecendo que, assim, a Secretaria da Educação atenderá a 70% dos 6.169 inscritos ao Cadastro Único, num total de 4.337 crianças de 0 a 3 anos ocupando, pela primeira vez, a Rede Municipal de Ensino. Na primeira chamada, foram 3.260 classificados.

Sorocaba, segundo o secretário José Simôes, já cumpria com 47% da meta de cobertura em creches públicas, estabelecida pelo Plano Nacional de Educação (PNE), do Ministério da Educação, que propõe um atendimento de 50% da população infantil entre 0 e 3 anos de idade até 2020. Com as novas vagas, esse percentual aumenta de modo `inacreditável', segundo Simões, e até o final de 2014, com a construção de novos Centros de Educação Infantil, a cidade deverá ultrapassar a meta. "Pelos nossos cálculos, a partir do segundo semestre abriremos mais mil vagas em creches e ficaremos, assim, muito próximos de atender à totalidade do Cadastro Unificado", comentou o secretário, reiterando que "é a construção de espaços que geram as vagas, não o cadastramento da demanda".

Quanto ao chamamento dos inscritos no Cadastro Único para a ocupação dessas 1.077 vagas, Simões foi cauteloso em dizer que o momento é de estruturação do serviço. Conforme explicou, sua equipe faz o levantamento das matrículas efetuadas, das vagas que não foram ocupadas por meio de desistência e será a partir do encerramento deste processo que os classificados serão convocados. O mais importante, disse, é que o Cadastro Unificado deu transparência e visibilidade ao sistema de entrada na Rede Pública de Ensino e o cidadão pode exercer o controle social.

Quanto a alguns problemas ou dúvidas ainda geradas, o secretário disse que seus colaboradores estão à disposição para prestar todos os esclarecimentos, seja nas unidades educacionais, seja na própria Secretaria.
 
 
 

 
 
 
voltar  
     
 
Diário de Sorocaba no Twitter