Quinta-Feira, 21 de Setembro de 2017 ASSINE O DIÁRIO 15.3224.4123

Diário de Sorocaba

buscar

<< CULTURA Carlos Madia lança seu primeiro videoclipe “É Melhor Batucar” é o título do trabalho do músico sorocabano, com a participação de Pedro Luís e A Parede

Publicada em 12/09/2017 às 18:40
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

(Foto: Divulgação)
No próximo sábado (16), às 20 horas, no Sesc Sorocaba, no Jardim Faculdade, o Projeto Ô de Casa apresentará o show“Carlos Madia e Banda convidam Pedro Luís e a Parede”, marcando o lançamento do primeiro videoclipe de Madia, intitulado “É Melhor Batucar”. O lançamento do videoclipe será seguido, assim, por umpocket show de Carlos Madia e Banda e finalizado com Pedro Luís e A Parede (Plap), comemorando 20 anos de Astronauta Tupy. 
 
O single “É Melhor Batucar” foi gravado no JCP Estúdio, em Sorocaba, com conceituados músicos da cidade e conta com a participação especial de Pedro Luís e A Parede. Segundo o músico e compositor sorocabano, a obra veio para ratificar a sintonia musical entre ele e a Plap, que vem sendo trabalhada nos últimos dois anos, após Madia começar a frequentar as oficinas do Monobloco em São Paulo: “Essa música só existe porque a Plap existe. Eles me instigaram, por isso o título”.
 
O ENCONTRO - Carlos Madia é fã e acompanha o trabalho de Pedro Luís e A Parede e também do Monobloco desde 2002. Em 2015, quando o Monobloco trouxe para São Paulo suas oficinas de percussão, Madia passou a ser também aluno da “Parede”, que é quem ministra as oficinas. Desde então, eles passaram a ser encontrar todas as terças-feiras no Rio de Janeiro e quartas em São Paulo para as aulas.
 
A partir daí, o que até então era uma profunda admiração artística, com a convivência dos últimos dois anos constatou-se um DNA musical extremamente semelhante, o que provocou em Madia um grande prazer em continuar frequentando as oficinas. Por inúmeras vezes, após as aulas, Carlos Madia e os integrantes da Parede fizeram encontros musicais informais que reuniram também os outros alunos. E surgiram convites para dar canjas nos shows do Monobloco.
 
SERVIÇO - Os ingressos custam R$ 5,00 para credenciados no Sesc e dependentes (credencial plena), R$ 8,50 para aposentados, pessoas com mais de 60 anos ou com deficiência, estudantes e servidores da escola pública com comprovante e R$ 17,00, inteira, à venda na Central de Atendimento da Unidade, à rua Barão de Piratininga, 555.
 
Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar