Sexta-Feira, 29 de Maio de 2020

Diário de Sorocaba





Leia a edição impressa na íntegra


Clique aqui para acessar a edição do dia
buscar

<< Fluminense goleia São Paulo e é líder

Publicada em 21/11/2010 às 20:32
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

Chances perdidas, atletas expulsos, duas torcidas comemorando o mesmo gol...o jogo entre São Paulo e Fluminense teve de tudo. Dario Conca desequilibrou no fim e comandou a vitória por 4 a 1 que reconduziu a equipe do Rio para a liderança, já que o Corinthians empatou com o Vitória por 1 a 1 em Salvador.

Com 36 rodadas disputadas, o Fluminense chegou a 65 pontos na tabela de classificação contra 64 do Corinthians. O São Paulo, por sua vez, se manteve com 51 em nono, agora sem nenhuma chance de chegar na Libertadores do ano que vem.

As duas equipes vieram com uma postura ofensiva para a partida. O técnico Paulo César Carpegiani surpreendeu ao colocar o meia Marlos no lugar de Rodrigo Souto, e fazer o quarteto ofensivo com Lucas, Fernandão e Lucas Gaúcho.

O técnico Muricy Ramalho, por sua vez, seguiu na mesma linha, escalando o quarteto ofensivo Deco, Conca, Fred e Washington logo de início. “Vai ser um jogo muito ofensivo”, previu o técnico, que foi muito ovacionado pela torcida do São Paulo.

O Fluminense dominou os minutos iniciais da partida, onde teve três boas chances de gol contra nenhuma do São Paulo, que sequer conseguiu chegar na meta rival. Parecia que o mandante da partida era o time carioca.

O São Paulo passou a se dedicar exclusivamente aos contra-ataques. Em um deles quase surpreendeu o Fluminense, se não fosse por excesso de preciosismo do meia Lucas, que não tocou a bola e perdeu boa chance.

Comandado por Deco e principalmente pelo lado esquerdo da defesa do São Paulo, o Fluminense criou seguidas chances para marcar, mas acabou perdendo todas elas. 

Rogério Ceni, disparado, era o melhor jogador do São Paulo, mostra da superioridade do Fluminense. Mas em cobrança de escanteio, ele foi vencido por Gum, que abriu o placar. E, curiosamente, o gol foi comemorado também pela torcida são-paulina, que xingou o rival Corinthians.

No segundo tempo, o panorama foi o mesmo, apesar da mudança de Carpegiani, que colocou Ilsinho no lugar de Marlos. O Fluminense continuou perdendo muitos gols, principalmente com Washington. E em lance isolado, Lucas Gaúcho trombou com os zagueiros e a bola entrou.

A situação do Fluminense voltou a ficar melhor na partida logo depois, pois Xandão fez falta como último homem e foi expulso, lance que obrigou Carpegiani a tirar Fernandão e colocar Renato Silva para recompor a zaga.

O que era bom, ficou melhor ainda para o Fluminense. Aparentemente por ter xingado o árbitro Héber Roberto Lopes, o lateral-esquerdo Richarlyson foi expulso e deixou o São Paulo com nove em campo.

Com o panorama positivo, mas o jogo travado, chegou a hora do craque desequilibrar. O meia Dario Conca – que não havia feito quase nada até então – recebeu bola na área e marcou um belo gol, mais uma vez para delírio das duas torcidas, tanto do Fluminense, quanto do São Paulo: 2 a 1 que deixa no momento o time carioca na liderança, já que o Corinthians não passava de um empate contra o Vitória.

Com a ‘fatura liquidada’, o Fluminense continuou a perder gols e o São Paulo ficou ‘entregue’ em campo. Mas havia espaço ainda para o destaque da partida, que iniciou a jogada do gol e Fred marcou outro belo gol: 4 a 1.

Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar