Terça-Feira, 26 de Maio de 2020

Diário de Sorocaba





Leia a edição impressa na íntegra


Clique aqui para acessar a edição do dia
buscar

<< `The Beat Beatles' revive hoje o quarteto de Liverpool no Municipal

Publicada em 16/05/2013 às 21:47
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

MÚSICA

A banda "The Beat Beatles" apresenta-se na noite desta sexta-feira (17), no palco do Teatro Municipal de Sorocaba, no Parque da Boa Vista, revivendo tanto pela música, como estilo, roupas, adereços e instrumentos o quarteto de Liverpool em show imperdível. Será nesta às 21 horas, com produçäo da ZEventos.

A banda "The Beat Beatles" é formada por dois ex-integrantes da lendária banda Beatles 4ever - Fábio Colombini (John Lennon) e Ricardo Júnior (Paul McCartney) -, que interpretaram juntos durante sete anos a dupla mais famosa da história da música, fazendo inclusive shows memoráveis, como na virada cultural de São Paulo em 2011, quando executaram ao vivo todos os álbuns dos Beatles em ordem cronológica durante as 24 horas do evento. A dupla aproveita, então, toda esta experiência e juntamente com André Dias (George Harrison), guitarrista que já tocou em outras bandas que faziam tributo aos Beatles, como a Beatles Alive, e Fernando Colombini (Ringo Starr), experiente baterista que já tocou com o internacional bluesman Nuno Mindelis, formam o quarteto "The Beat Beatles". 

No show desta noite no Municipal, a trajetória da banda mais importante de todos os tempos, os Beatles, é, assim, ricamente, explorada, desde a fase da `beatlemania', quando os Beatles usavam seus elegantes ternos e um corte de cabelo revolucionário para a época, passando pela fase psicodélica, quando fizeram álbuns que são referência musical até hoje, como "Sgt. Pepper's Lonely Hearts Club Band" - que completou em 2007 quarenta anos de existência e é citado por bandas atuais, como U2 e Oasis, como o melhor álbum de todos os tempos -, até chegar à fase final, quando os Beatles estavam prestes a se separar, porém compuseram suas mais belas canções.

SERVIÇO - Os ingressos custam R$ 50,00 (inteira) e R$ 25,00 (meia-entrada: estudantes, professores, idosos, aposentados e PNE) e estão sendo vendidos nas lojas O Camiseiro (rua Cel. Benedito Pires, 75) e Conexão Fábrica (rua da Penha, 499). A partir das 14 horas, também na bilheteria do Teatro Municipal.


Ari Borger Quartet apresenta-se no Sesc, trazendo raízes do Blues, Soul e Jazz 

O pianista de Blues Ari Borger apresenta no Sesc de Sorocaba músicas de seu mais recente trabalho, "Back to the Blues", nesta sexta-feira (17), às 20 horas. Com a intenção de dar sonoridade de banda e não apenas de músicos que acompanham o artista, Ari Borger sobe ao palco com um time extremamente talentoso: Celso Salim (guitarra), Rodrigo Mantovani (baixo) e Humberto Zigler (bateria), grupo este batizado como "Ari Borger Quartet". 

O show, que é gratuito e para toda a família, é um mergulho nas raízes do Blues, Soul e Jazz, dosando feeling e virtuosismo. Além disso, traz releituras instrumentais que passeiam por clássicos como "Key to the Highway", de Big Bill Broonzy; "Chicken Shack", de Jimmy Smith; "Funky Miracle", do Metters, e temas autorais, como "Boogie Train", "Back to the Blues" e "Funk Jam", proporcionando ao público uma verdadeira viagem musical. Em "Back to the Blues", quarto disco de sua carreira, Ari volta ao piano, seu instrumento de origem, mas não esquece do órgão Hammond B3 e do Fender Rhodes. Em algumas faixas, Rodrigo Mantovani opta pelo baixo acústico, enriquecendo ainda mais a gama de timbres presentes no disco. A guitarra de Celso Salim ocupa o tempo e o espaço com um fraseado elétrico distribuído em acordes bem construídos. E com o disparo da bateria de Humberto Zigler o ritmo é mais exato e mais dinâmico, amarrando o conjunto musical com mais coesão e perfeição. 

Ari Borger já abriu, aliás, shows para artistas como B.B. King e tocou com verdadeiras lendas do piano Blues, como os mestres Johnnie Johnson e Pinetop Perkins - pianistas de Chuck Berry e Mudy Waters.


TEATRO

'A lenda do príncipe que tinha rosto' no palco do Sesi

O Teatro do Sesi de Sorocaba (rua Gustavo Teixeira, bairro do Mangal) recebe nesta sexta-feira (17), às 15, e sábado (18), às 16 e 18 horas, a peça infanto-juvenil "A lenda do príncipe que tinha rosto", montagem da Artesanal Cia. de Teatro, que integra a temporada 2013 do projeto `Viagem Teatral'. Com uma proposta nada convencional - um teatro sem texto -, o grupo concebeu um espetáculo de estética gótica com alguns elementos surrealistas, contando a história de um príncipe que nasce com rosto em uma terra de pessoas `sem rosto'. Como o Rei e a Rainha temem que seu filho seja descoberto e maltratado pelos súditos diante de tamanha aberração, eles mantêm o menino escondido em uma torre. 

A ação se desenvolve por meio de um narrador e os atores utilizam diversas linguagens cênicas, como máscara teatral, boneco de manipulação direta, projeção de vídeo grafismos, sombras e expressão corporal. As músicas são do repertório do compositor russo Sergei Prokofiev (1891-1953), pontuando a cena com lirismo e dramaticidade. Simples em sua narrativa, a história é facilmente compreendida e agrada ao público de todas as idades. O espetáculo é vencedor do Prêmio Zilka Sallaberry de Teatro Infantil'2010, nas categorias de melhor figurino e melhor iluminação. 

Com 16 anos de atividade e um trabalho voltado para a pesquisa e a convergência de diferentes linguagens narrativas, a Artesanal Cia. de Teatro explora bonecos, sombras, máscaras, canto, cinema e vídeo grafismos. Em suas peças, o ator ocupa sempre o lugar de elemento principal da encenação. Seus espetáculos, por se tratarem invariavelmente de um trabalho autoral, com alto rigor estético, textos inteligentes e produções cuidadosas, destacam-se em meio a outras peças do gênero e agradam a um público de várias idades.

Entrada gratuita, com os ingressos distribuídos 1 hora antes do início das apresentações.


Documentário mostra história da Sorocabana; depois tem Mazzaropi

Com exibição marcada, inicialmente, para o Barracão Cultura, ao lado da Estação Ferroviária, o documentário "A Sorocabana - Culto à Memória e Celebração de Um Modo de Vida" será apresentado ao público nesta sexta-feira (17), às 18 horas, no Salão Verde do Câmpus Seminário da Uniso (avenida Dr. Eugênio Salerno, 140). A mudança de local ocorreu por questões técnicas e para favorecer o acesso a um número maior de espectadores. O Salão Verde oferece 200 lugares.

"A Sorocabana...", de Márcio Schimming Dias Lopes, foi produzido com recursos da Lei de Incentivo à Cultura (Linc), de 2011, e celebra a 11ª Semana de Museus. Quem for conferir o trabalho vai conhecer as memórias dos ferroviários que formaram a trajetória da Estrada de Ferro Sorocabana. A entrada é gratuita.

MAZZAROPI NA SEQUÊNCIA, EM 'CENA DE CINEMA' - Na sequência nesta noite, às 19h30, ainda no Saläo Verde do Câmpus Seminário da Uniso, com sua figura conhecida, o Jeca, Amácio Mazzaropi é a atração de nova apresentação do projeto "Cena de Cinema". Parceria entre a Secretaria de Cultura e Lazer da Prefeitura e o Instituto Mazzaropi, o `Cena' tem como proposta levar o Cinema Nacional à comunidade. Esta é a terceira edição do ano e pessoas de diversos bairros da cidade já assistiram a filmes e desenhos em praça pública.

A história da vez - "O Jeca Macumbeiro" - se passa numa fazenda do interior, onde o folclórico personagem do Jeca recebe uma sacola cheia de dinheiro e, sem saber o que fazer com aquilo, procura pelo patrão, dono da fazendo onde vivia. Falido, o fazendeiro encarna um pai de santo para tentar arrancar a fortuna do caboclo. Coisas engraçadas acontecem na película de humor inocente, que marcou ainda a evocação do sobrenatural nas histórias contadas por Mazzaropi.


Festa Junina de Votorantim tem venda de camarotes 

A venda de camarotes para os shows da 98ª Festa Junina de Votorantim será realizada antecipadamente nesta sexta-feira (17) e sábado (18). Estão sendo disponibilizados 120 camarotes com capacidade para dez pessoas cada um. A venda não será feita, porém, para dias separados; o pacote dá direito a todos os dezessete dias da Festa. 

Os interessados devem comparecer pessoalmente na sede da Comissão Municipal de Assistência Social (Comas), na avenida Moacir Oséias Guitte, 51, ao lado da Praça de Eventos, para a compra. O atendimento hoje (17) será das 8 às 17 e amanhã, sábado, das 8 às 15 horas. O pagamento pode ser feito em dinheiro ou cheque e mais informações sobre os camarotes podem ser obtidas no local ou pelo telefone 3353.8662.

Neste ano, a Festa Junina de Votorantim será realizada de 14 a 30 de junho, em recinto fechado, na Praça de Eventos "Lecy de Campos". Haverá shows todos os dias. Para quem não pretende adquirir um camarote, a entrada será de R$ 2,00, dando acesso à praça de alimentação, parque de diversões e algumas atrações artísticas. Maiores de 60 anos e crianças menores de 12 não pagam. Para alguns shows, será cobrada entrada de R$ 10,00, dando direito à apresentação musical, como também ao parque de diversões e à praça de alimentação. 


 
Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar