Sexta-Feira, 29 de Maio de 2020

Diário de Sorocaba





Leia a edição impressa na íntegra


Clique aqui para acessar a edição do dia
buscar

<< Romaria secular deixa a Catedral neste domingo No bairro histórico, infraestrutura é preparada para receber entre 40 e 50 mil devotos da Virgem Aparecida neste segundo domingo de julho

Publicada em 08/07/2011 às 18:36
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

O bairro histórico em que fica o Santuário de Nossa Senhora Aparecida receberá cerca de 50 mil devotos (Foto: Arquivo/DS)
No bairro histórico de Aparecidinha, estes dias têm sido de preparativos intensos tanto de parte da comunidade católica local, como da Prefeitura e de suas diversas secretarias envolvidas, para receber amanhä, segundo domingo de julho, entre 40 e 50 mil pessoas, devotas de Nossa Senhora Aparecida, Padroeira do Brasil, dentro de mais uma edição da secular romaria que nesta data, há mais de cem anos, reconduz a pequenina imagem da Santa da igreja da Catedral Metropolitana, no centro de Sorocaba, a seu Santuário de origem, num trajeto de mais de 17 quilômetros. Na realidade, há registros que apontam a realização dessas romarias há, pelo menos, dois séculos, mas foi em 1899, por ocasião da epidemia de febre amarela e gripe espanhola que assolavam a cidade e mataram muita gente, que o então vigário de Sorocaba, monsenhor João Soares, colocando o Município sob a proteção da Virgem Aparecida fixou definitivamente datas no calendário religioso local anual para essas esporádicas romarias: 1º de janeiro a imagem é trazida, assim, de seu Santuário em Aparecidinha e, no segundo domingo de julho, reconduzida para lá.

Amanhä, às 5 horas da madrugada, mais uma vez o arcebispo metropolitano de Sorocaba, dom Eduardo Benes de Sales Rodrigues, preside na igreja da Catedral missa marcando a despedida da veneranda imagem de Nossa Senhora Aparecida. Por volta das 6 horas, carregando o andor com a pequena imagem da Santa as centenas de romeiros já deverão estar deixando a praça Cel. Fernando Prestes rumo ao bairro de Aparecidinha. Tradicionalmente, a massa de participantes vai aumentando à medida que a procissão vai seguindo seu itinerário habitual, descendo as ruas de São Bento e XV de Novembro e subindo as avenidas São Paulo e Eng. Carlos Reinaldo Mendes, até atingindo o Alto da Boa Vista e, através da avenida 3 de Março, acessar a sinuosa estrada de terra que interliga o centro urbano ao bairro de Aparecidinha.

A chegada da romaria ao bairro da Aparecidinha, geralmente por volta das 10h30, missa campal de ação de graças será celebrada na praça defronte ao local onde se ergue o novo Santuário Arquidiocesano de Nossa Senhora Aparecida, sob a presidência agora de seu pároco-reitor, padre José Antônio Leite de Oliveira. Terminada a missa, a romaria segue por quase mais meio quilômetro até a capela histórica do bairro de Aparecidinha, onde nova missa de acolhida à Santa e aos devotos romeiros será oficiada.

APOIO ESPECIAL DA GUARDA CIVIL E DE FISCAIS MUNICIPAIS - A tradicional Romaria de Aparecidinha neste domingo (10) terá assim, por outro lado, também um esquema especial preparado pela Prefeitura, por meio da Secretaria de Segurança Comunitária, visando o atendimento do público. O planejamento inclui a presença de 50 guardas civis desde a saída dos romeiros, na praça Coronel Fernando Prestes, até o Santuário, em Aparecidinha. Também a partir deste sábado, a Fiscalização estará no bairro, com 40 funcionários para atendimento e coordenação das atividades de ambulantes.

Em Aparecidinha, o apoio da Guarda Civil Municipal se dará em todo o bairro, ao redor do Santuário sobretudo, bem como no Centro de Saúde e nas áreas onde haverá a presença de ambulantes. A base móvel da GCM também ficará disponível para atendimento aos romeiros. De parte da Fiscalização Municipal, o trabalho começa às 8 horas de hoje, para cadastramento dos ambulantes que pretendem atuar durante o evento. Como acontece todos os anos, será cobrada uma taxa no valor de R$ 19,00 por metro linear das barracas, que poderá ser recolhida num estande apropriado ao atendimento dos interessados.

Produtos considerados piratas, como CDs e DVDs e cigarros provenientes do Paraguai, serão apreendidos e seus responsáveis encaminhados à Delegacia de Polícia. Haverá ainda o apoio das polícias Militar e Civil e até mesmo da Polícia Federal, com o objetivo de coibir esse comércio de produtos ilegais.

ÔNIBUS EXTRAS - A Urbes - Trânsito e Transportes também preparou uma programação especial para a Romaria de Aparecidinha. Serão colocados 46 ônibus extras para atender a demanda de usuários. Os ônibus partirão do Terminal Santo Antônio, Plataforma P.5 - Ponto "Q", e seguirão para o bairro de Aparecidinha pela avenida Dom Aguirre e Rodovia Senador José Ermírio de Moraes (Castelinho), até o local de embarque e desembarque na praça Professor João Oscar Mascarenhas, na rua Do Terço, logo à entrada do lugarejo. Próximo a este local também haverá um ponto de táxi criado especialmente para atender o evento.

A Urbes lembra que para quem possui o cartão eletrônico do sistema a tarifa de domingo será de R$ 1.
 
 
 
Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar