Terça-Feira, 2 de Junho de 2020

Diário de Sorocaba





Leia a edição impressa na íntegra


Clique aqui para acessar a edição do dia
buscar

<< Unidades do "Vai e Vem Móvel" estão em 30 novos locais da cidade

Publicada em 20/12/2010 às 20:22
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

Os carrinhos foram entregues ontem; para emprestar livros, não é necessário nenhum cadastro (Foto: Pedro Henrique Negrão)
O projeto "Vai e Vem" tem a partir de hoje 30 unidades móveis que ficarão em todas as regiões da cidade, como Sabe Tudo, Casas do Cidadão, Unidades Básicas de Saúde, penitenciárias, shoppings, entre outras. O programa se destina a emprestar livros à população sem a necessidade de apresentar qualquer documento. 

Os carrinhos com livros foram entregues ontem em solenidade na Praça Coronel Fernando Prestes, com a presença do prefeito Vitor Lippi, do vice-prefeito José Ailton Ribeiro, do secretário de Cultura, Ânderson Santos, da secretária do Meio Ambiente, Jussara de Carvalho, entre outras autoridades. Os estandes móveis foram projetados por Guilherme Bissoli.

Foram adquiridos cerca de 300 novos livros, deles deles são novos títulos. Sucessos de mercado como “Ladrão de Raios”, de Percy Jackson, “Ponto de Impacto”, de Dan Brown, “Crepúsculo”, de Stephenie Meyer, “Diário da Julieta”, de Ziraldo, entre outros, estão à disposição para empréstimo. Segundo a secretaria de Cultura, desde 2007, quando começou o "Vai e Vem", o índice de livros que retornam ao programa tem sido superior aos 80%.

Havia apenas uma unidade móvel do projeto que, entre outros locais, frequentava lugares como os shows do "Domingo no Parque", no Campolim, semanalmente. Com as novas unidades, o alcance do projeto aumenta. Quem emprestar um livro em um ponto da cidade, pode devolvê-lo em qualquer outro. A única "exigência" é que haja a devolução, se possível, em até sete semanas. Além de alguns prédios públicos, os carrinhos irão percorrer pontos estratégicos.

O "Vai e Vem" tem origem em projeto semelhante que o prefeito Vitor Lippi conheceu na Colômbia, chamado "Livros ao Vento", com o propósito de "libertar os livros,  deixando-os ganhar o mundo e conquistar novos leitores. O programa serve como ferramenta que ajuda a despertar e a fortalecer na população o gosto pela leitura”, explica o secretário Anderson Santos.

POSTO FIXO - A primeira base do "Vai e Vem" está no Terminal Santo Antônio, e funciona de segunda a sexta, das 8 às 20 horas. Excepcionalmente nos meses de janeiro e dezembro, o programa atende das 9 às 18 horas.

Na época do lançamento do programa, o seu acervo era de mil livros. Atualmente já são mais de 15 mil volumes à disposição da população. Doações de livros também movimentam o posto.
Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar